,

12 dicas para organizar amudança de casa sem dor de cabeça

Compartilhe:
Share

Artigo publicado no UOL Mulher – Categoria Casa e Decoração. Confira:

Screen Shot 2013-09-25 at 4.35.27 PM


1) Para mudar de casa sem estresse é preciso se organizar com antecedência. Assim que a data da mudança for definida, reserve uma semana para empacotar os objetos de cada cômodo. Dessa forma, tal etapa será realizada com calma, sem correria. Por exemplo, se sua casa atual possui dois quartos, um ambiente com sala de estar e jantar, um banheiro, uma cozinha e uma área de serviço, serão necessárias idealmente seis semanas para colocar tudo em caixas. (Fonte: Cristina Papazian, organizadora profissional)

Screen Shot 2013-09-25 at 4.35.40 PM


2) Para não ter problemas com a disponibilidade de datas, inicie a pesquisa e solicite orçamentos a empresas de transporte com cerca de três meses de antecedência em relação ao dia da mudança. Peça indicações e referências a amigos e conhecidos. Antes de fechar o contrato de serviço com determinada empresa, certifique-se do limite de caixas e volumes acordado. Também cheque se, no custo do transporte, estão inclusos o seguro do que será transportado e os materiais para embalar como plástico bolha, caixas e outros itens. É essencial discriminar no contrato o que será coletado. (Fonte: Cristina Papazian, organizadora profissional)

Screen Shot 2013-09-25 at 4.35.47 PM


3) Antes de começar efetivamente a empacotar, faça uma lista com os itens que pretende levar para a nova residência. Nesse levantamento, verifique se há na futura casa espaço suficiente para tudo o que listou. Separe roupas e sapatos não são usados como também móveis, objetos e eletrodomésticos que não serão aproveitados. Assim, você determina aquilo que irá manter e o que pode vender ou doar. (Fonte: Heloisa Lucia Sundfeld, empresária e personal assistant)

Screen Shot 2013-09-25 at 4.35.53 PM


4) Caso os materiais para empacotar não sejam providenciados pela empresa de transporte como parte do valor do serviço, é preciso adquirir alguns itens essenciais: caixas, canetas do tipo pincel atômico, plástico bolha, fita adesiva e etiquetas. As aberturas das caixas, tanto em cima como embaixo, devem ser bem fechadas com fita adesiva, para que não abram ao serem carregadas. Escreva a palavra “frágil” naquelas que acondicionarem os objetos delicados e faça setas indicando o lado de cima. Desse modo, não há risco das caixas serem transportadas do lado errado. (Fonte: Heloisa Lucia Sundfeld, empresária e personal assistant)

Screen Shot 2013-09-25 at 4.35.58 PM


5) Para empacotar os objetos da casa, prefira as caixas menores ou as de tamanho médio como aquelas usadas para transportar um micro-ondas novo. As de tamanho grande podem ficar muito pesadas ao serem preenchidas, o que acaba dificultando a remoção. Não desmonte os móveis que possam ser carregados e caibam por inteiro dentro do caminhão de transporte. Converse com a empresa contratada para definir o que realmente precisa ser desmontado. (Fonte: Cristina Papazian, organizadora profissional)

Screen Shot 2013-09-25 at 4.36.03 PM


6) Como o ideal é empacotar com antecedência os objetos de cada cômodo, comece sempre com os itens menos usados. Para não precisar especificar em cada caixa, objeto por objeto, agrupe famílias de itens semelhantes, por exemplo, em uma, coloque apenas panelas e em outra, os aparelhos de jantar. Para que, no dia da mudança, a caixa seja colocada no respectivo ambiente, imprima uma planta baixa da nova residência e pinte cada área ou cômodo de uma cor. Então, sinalize cada caixa com a cor correspondente ao cômodo da casa a que os objetos empacotados se destinam. Se você tem filhos pequenos, outra dica é repassar essa tarefa a eles. Pode ser uma atividade divertida para as crianças, apenas mantenha-se próximo e supervisione-os para evitar acidentes ou confusões. (Fonte: Cristina Papazian, organizadora profissional)

Screen Shot 2013-09-25 at 4.36.08 PM


7) A fim de proteger objetos delicados como espelhos, porcelanas e taças durante o transporte, o ideal é embalá-los individualmente usando plástico bolha. Para que peças grandes (geladeira, fogão e televisão, por exemplo) não “ganhem” arranhões após a mudança, preserve-as enrolando-as em mantas ou até mesmo em cobertores velhos. Geralmente, as empresas de transporte disponibilizam essas mantas, por isso, confira se o serviço inclui esse material. (Fonte: Cristina Papazian, organizadora profissional)

Screen Shot 2013-09-25 at 4.36.13 PM


8) Na semana anterior à data da mudança, solicite a transferência dos serviços como telefone, TV por assinatura e internet para o novo endereço. Também é importante pedir a alteração de titularidade do serviço de energia elétrica da futura residência, bem como o novo endereço nas empresas de assinatura de jornais e revistas e em bancos e empresas de cartão de crédito, por exemplo. (Fonte: Cristina Papazian, organizadora profissional)

Screen Shot 2013-09-25 at 4.36.18 PM


9)Por uma questão de segurança, caso possua joias, carregue-as com você no dia da mudança. Em caso de obras de arte ou antiguidades, é aconselhável fotografá-las, para que fique documentado o estado de cada peça. Ainda sobre essa situação específica, uma atitude precavida é contratar uma empresa que seja especializada no transporte desse tipo de objeto. (Fonte: Heloisa Lucia Sundfeld, empresária e personal assistant)

Screen Shot 2013-09-25 at 4.36.23 PM


10) Quando estiver empacotando os itens dos quartos, lembre-se de separar uma pequena mala com duas trocas de roupa, um jogo de cama e um de banho para cada membro da família. Coloque em uma caixa itens de higiene pessoal para cada familiar, assim como um pequeno suprimento de papel higiênico, papel toalha, pano de prato, detergente e esponja de cozinha. E em outro recipiente, reserve alguns alimentos e água. Todos esses objetos podem ser solicitados no correr da mudança, por isso, é importante tê-los à mão. (Fonte: Heloisa Lucia Sundfeld, empresária e personal assistant)

Screen Shot 2013-09-25 at 4.36.28 PM


11) Na semana anterior à mudança, tente consumir ao máximo os alimentos que já estão abertos na geladeira e faça uma limpeza geral na nova casa. Nesse mesmo período, cheque se as tomadas, torneiras e descargas do imóvel a ser ocupado estão funcionando. No dia da mudança, o dono ou dona da casa deve coordenar o carregamento feito pela empresa de transporte, enquanto outra pessoa da família ou um amigo deve permanecer na nova residência, checando o que está sendo descarregado. (Fonte: Cristina Papazian, organizadora profissional)

Screen Shot 2013-09-25 at 4.36.37 PM


12) Após finalizar o transporte e distribuir as caixas sinalizadas em seus respectivos cômodos, escolha um ambiente conforme sua prioridade e comece a desempacotar e a guardar os objetos. Não inicie a organização de vários cômodos ao mesmo tempo. O ideal é apenas começar a arrumação de um ambiente após finalizar o anterior. Não limpe cada item para depois armazená-lo, a exemplo de talheres, pratos, copos e outros objetos da cozinha. Primeiro organize a casa, para depois, com a residência funcionando, lavar e limpar o que demandar tal cuidado. Dessa forma, o trabalho rende e não há caos a sua volta. ( Fontes: Cristina Papazian, organizadora profissional, e Heloisa Lucia Sundfeld, empresária e personal assistant)

Compartilhe:
Share
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *